A artrose é uma degeneração que começa na cartilagem entre as juntas e os ossos, processo que dificulta a movimentação. Com a degradação desse amortecedor, a fricção aumenta a tal ponto que fica quase impossível mexer os dedos. Apesar de a osteoartrite estar ligada ao envelhecimento, seus sinais não demoram a aparecer.

Começa com uma sensação de que falta óleo nas juntas. Elas parecem ficar meio travadas e até um pouco inchadas, além de doloridas. Nos quadros avançados, o incômodo é excruciante, de osso se esfregando com osso.

Além da idade, histórico familiar e trabalhos repetitivos que demandam muito dos dedos, por exemplo, são fatores associados a uma manifestação mais precoce da artrose. Os que digitam muito no celular precisam ficar atento: os polegares são os dedos mais empregados na hora de teclar o smartphone, onde um manuseio sem limites pode comprometer essas estruturas e resultar em dor.

Relação menos evidente, mas que ganha força entre os especialistas, é a da obesidade com a osteoartrite nas mãos. Além de sobrecarregar joelhos e tornozelos, um índice de massa corporal elevado aumenta o risco de desgaste nas cartilagens dos dedos.

A inflamação criada pela gordura visceral, que se localiza na parte mais profunda do abdômen, entre os órgãos, produz substâncias inflamatórias extremamente nocivas à saúde e que podem danificar as articulações do corpo todo.

Atividade física e alimentação balanceada, além de proporcionarem melhor qualidade de vida, garante proteção extra contra a artrose. Um estilo de vida sedentário e uma dieta desequilibrada levam a um aumento nos níveis de ácido lático, que em abundância no organismo contribui para a inflamação das juntas, cenário propício ao desenvolvimento da artrose.

Não existe cura ou remédio que impeça a progressão da doença, mas é possível tratar a dor com analgésicos e anti-inflamatórios.

Aqui no Floripa Care nós temos profissionais competentes que fazem exercícios específico para prevenir o surgimento de artrose, além de prevenir diversas doenças e garantir melhor qualidade de vida!

Fonte: www.msn.com